Monthly Archives: Abril 2013

uétú

for god´s sake. how did it come. suddenly I arrive. arrive here, inside myself. thinking and loving. sem palavra. com palavra torta. thank god, say god again. thank him you´re alive. é assim que ainda existe. é assim que ainda … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

músculo vontade músculo

  tum tum tum tum   até meu coração este sozinho bate duplo só por ser  

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

uma existência é muita!

Cá está ele, este compreensivo compreendedor de mim. e nosso papo é bom, é papo de irmão mais velho de uma casa, com irmão mais velho de outra casa. compartilhamento de resmungos e chateações. eu não sei pra quê vim. … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

como citar pensamentos em uma obra escrita pelas mãos?

  Hoje o dia foi um pouco mais longo que de costume, mais comprido que a própria exigência que extraio dele. pude ler clarice. gh. finalmente de verdade me dispus a compreender o incompreensível e a aceitar a miudez das … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Eu como baleias inteiras, em saquinhos eternos de massa cinzenta

Meu pai gosta de assistir essas imagens de animais na natureza, caçador e presa, perseguições longas  quase sempre acabando quando um devora o outro. Meu estômago não parece muito com o da minha espécie. Parece mais de hipopótamo. Mas não, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário